Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vida de uma Estudante Universitária

A visão de uma estudante universitária sobre a sua vida académica e pessoal.

Vida de uma Estudante Universitária

A visão de uma estudante universitária sobre a sua vida académica e pessoal.

27
Dez14

Coração de pedra

Eu não sou do tipo lamechas. Do tipo romântica incurável. Eu não sou do tipo que chora com todos os filmes. Não sou do tipo emocional, frágil e carinhosa. Não trato toda a gente por amor nem faço declarações constantes de afecto. Eu não sou o tipo de pessoa naturalmente fofinha. Não sou do tipo que se entrega facilmente nem que se dá a conhecer por inteiro. Eu não sou do tipo amorosa nem penso tanto com o coração. Sou do tipo mais racional. Pés assentes na terra. Sou do tipo reservada. Fechada em copas. Guardiã das minhas próprias emoções. Guarda-costas do meu coração. Eu não sou do tipo que acredita em finais felizes e amores perfeitos. Não sou do tipo que acredita em almas gémeas, príncipes encantados. Não sou amiga de todos nem conhecida por meio mundo. Digo o que penso mas não penso tanto no que digo. Eu sou do tipo que gosta da solidão momentânea. Do tipo que tenta mais que tudo mostrar que é muito forte. Inquebrável. Eu sou do tipo que obriga a uma distância de segurança. Que observa mais do que aparenta ver e que não permite aproximações sem certezas. Eu sou o tipo de pessoa fria. Cubo de gelo que não derrete com os primeiros raios de sol. Coração de pedra. Eu já amei a sério e tive a maior desilusão da minha vida. Eu já fui tudo o que não sou mas deram-me razões para deixar de o ser. De que vale a entrega de alma e coração quando o sofrimento supera a vontade? Não vale a pena amar em vão se não temos a outra metade.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.