Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vida de uma Estudante Universitária

A visão de uma estudante universitária sobre a sua vida académica e pessoal.

Vida de uma Estudante Universitária

A visão de uma estudante universitária sobre a sua vida académica e pessoal.

06
Mar15

Relações

O amor anda no ar mas eu não o respiro. Falta-me o ar. Sufoco-me involuntariamente. A solteirice tem o seu lado bom mas culmina em saturação. E eu sinto-me cansada de não amar. Digam o que disserem, ninguém deseja estar solteiro. Não por muito tempo. Ao início parece um pequeno paraíso. Tem o seu período de incubação. Mas quando a solteirice se instala a sério, mostra que veio para ficar e anuncia os primeiros sintomas, percebemos que não é a melhor coisa do mundo. Surge a carência, a necessidade do outro. A falta da felicidade extrema e o sorriso parvo e inesperado. As mensagens às tantas da manhã e as saídas românticas. O dormir aconchegado pelo calor humano. O amor carnal. Aí percebemos que se calhar alguma coisa faz falta. O amor faz falta. Vejo tantos casais por aí. Felizes. E começo a pensar que o problema sou eu. Se calhar não fui feita para amar. Ou para ser amada. Às vezes temos de aceitar as coisas como elas são. Mesmo que estejam longe de ser o que idealizámos. Estou farta dessas tretas do "Há-de chegar o teu momento" e mais uma data de frases feitas que nos tentam impor para que doa menos. Para atenuar a solidão. Para nos dar a esperança de que um dia talvez encontremos alguém que nos dê tudo só com o olhar. Para mim, essa é das coisas mais difíceis de sempre. Encontrar a pessoa certa. A peça que falta encaixar no puzzle do coração. Desfeito em mil pedaços. Para os outros parece simples. A mim parece-me uma missão impossível. O defeito só pode ser meu. É mau demais para ser azar. É tempo a mais para ser castigo. 

34 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Segue-me

Follow

Mensagens

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D